COMUNICADO

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

Caros Formandos Adultos,  Professores ou Formadores , Diretores de Entidades e Escolas públicas e privadas, promotoras de oferta Qualificante e de Educação de Adultos e de Centro Novas Oportunidades

Acede a www.apefa.org ( site em fase de construção, disponível para inscrição de sócios), e no www.facebook.com/apefa.aprendencias e adere à ASSOCIAÇÃO PORTUGUESA DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO DE ADULTOS.

A Qualificação e Educação de Adultos em Portugal atravessa momentos de grande ansiedade para todos os envolvidos, responsáveis, profissionais e formandos adultos, estes, com um sentimento  de insegurança e de indefinição quanto à continuidade e conclusão dos seus processos formativos.

A encruzilhada  em que a Qualificação dos Adultos Portugueses hoje se encontra, visivelmente percecionada no terreno e nas interações dos seus profissionais no dia a dia das instituições promotoras de formação para adultos, carece de urgente clarificação governamental sob pena de desvirtuarmos princípios determinantes de confiança e de estímulo, indutores de sucesso de participação e de aprendizagem.

Todos nós, não prestaremos um bom serviço à Educação de Adultos se, face a declarações públicas de responsáveis políticos do país, aceitarmos, passivamente, serem os agentes dinamizadores de qualificação e educação( professores, formadores, diretores de CNO e entidades públicas e privadas) os responsáveis pelo que de menos positivo ocorreu no domínio da Educação de Adultos e, em concreto, na iniciativa Novas Oportunidades.

Nem tudo correu bem! Conhecemos as fragilidades e reconhecemos erros cometidos. Mas sabemos as suas razões!

Embora não tendo sido da sua responsabilidade a criação do programa Novas oportunidades, não podemos aceitar a tentativa de total desresponsabilização do Governo neste domínio, quando foram,  efectivamente, as estruturas organizacionais dos Ministérios  responsáveis pela Formação e Educação de Adultos, que induziram, condicionaram e pressionaram todos os operadores do terreno, através da megalomania das metas e dos números, e reduziram este subsistema de formação quase que exclusivamente a resultados, espelhados na certificação. A este propósito, foram insuficientes os inúmeros e competentes alertas de incongruências assinalados pelos profissionais e pelas entidades formadoras, públicas e privadas, dinamizadoras de oferta para adultos.

Presentemente, as escolas, após a divulgação da sua oferta educativa junto da comunidade, viram os seus cursos EFA impedidos de abertura, os recursos humanos afetos ao projecto dispensados e milhares de cidadãos portugueses inscritos, resultante do trabalho de mobilização de públicos, expectantes quanto ao início da formação.

É tempo de (re)pensarmos o futuro de Educação de Adultos em Portugal!

Chegou o tempo de todos nós, profissionais de Educação e Formação de Adultos, participarmos com os nossos contributos na (re)formulação de um programa de Qualificação e Educação de Adultos, através de apresentação de propostas concretas, devidamente refletidas e sustentadas e de constituirmo-nos parceiros ativos, cooperantes na definição de políticas públicas de Educação de Adultos.

Neste sentido, a APEFA – Associação Portuguesa de Educação e Formação de Adultos, entidade sem fins lucrativos, apartidária e plural,  assume-se como elemento parceiro, junto das instâncias governamentais, na promoção, defesa e valorização de Educação de Adultos, permanente e ao longo da vida.

Assim, foram já solicitadas audiências ao Senhor Ministro da Educação, à ANQ, à Comissão Parlamentar de Educação, aos Partidos com representação parlamentar, entre outros organismos regionais e nacionais.

Como associação plural e abrangente, defendemos todos os atores envolvidos na educação e formação: Adultos inscritos, em formação ou que tenham participado em ações de EA; Professores ou Formadores; Escolas Públicas e Privadas, Profissionais e Cooperativas de Ensino; Centros Novas Oportunidades; Técnicos RVC e de Encaminhamento.

Vamos constituir grupos de trabalho.

Disponibiliza-te e indica  a área  de EA que gostarias de trabalhar. Apresenta sugestões e ideias.

Acede a www.apefa.org (site em construção, disponível para inscrição de sócios).

Adere à APEFA, torna-te sócio da tua Associação. Beneficia de condições especiais de inscrição como sócio (isenção de quota para sócios durante os dois primeiros anos de inscrição) e participa ativamente na discussão e nos encontros que a APEFA vai promover já em Dezembro/Janeiro.

Antecipadamente, agradecemos a disponibilidade e empenho e solicitamos uma divulgação massiva e urgente a fim de, brevemente, nos reunirmos num encontro promovido pela APEFA, para discussão do futuro da Educação de Adultos em Portugal.

 

Para um estreitamento de relações, apresentamos os contactos da APEFA:  info@apefa.org  ;  direcao@apefa.org   965 715 326 ( Horário de expediente).

Participa! Defende o futuro da Educação de Adultos em Portugal! Reencaminha este email para todos os teus contactos.

 

Porto, Dezembro de 2011

O Presidente da Direção da APEFA

Armando Loureiro

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *